‹ Notícias

FCA doa novo 500, o 1º a sair da produção, por uma causa nobre

Setembro 15, 2015

O novo 500 será uma das sensações em Montecarlo na “I Defend Gala 2015″.

O novo 500 será uma das sensações em Montecarlo na “I Defend Gala 2015″, a primeira edição da gala de caridade que apoia a fundação “Robert F. Kennedy Human Rights Europe”, que defende os direitos humanos.

A 16 de Julho, em Montecarlo, no cenário espetacular do Riva Tunnel, o “I Defend Gala 2015″ terá lugar: uma noite dedicada a defender os valores universais dos direitos humanos básicos, em prol da fundação “Robert F. Kennedy Human Rights Europe”. As prioridades centrais da organização estão focados no poder do indivíduo para gerar mudanças, e envolvem apoiar os defensores dos direitos humanos através de parcerias estratégicas.

A FCA tem estado ligada a várias questões urgentes, tais como a mobilidade sustentável e educação, aos quais oferece suporte através de inúmeros projectos. Em “I Defend Gala 2015″ vai participar com o seu novo 500: um ícone global em mais de 100 países, um emblema perfeito para o carisma corporativo da FCA, com base na colaboração harmoniosa e diferentes nações e culturas. O momento-chave da noite será a doação de um showcar Fiat, ou seja, o primeiro 500 a sair da linha de produção, que será leiloado durante o evento.

Este one-of-a-kind conversível, “Bossa Nova Branco”, com 1,2 litros e 69 HP, foi personalizado com habilidade e talento pelo mestre artesão da Úmbria Stefano Conticelli, que usando couro como um meio, sabe como expressar a excelência dos produtos italianos, assim como o novo 500. O carro tem um exterior de personalização de cabedal. A cor ouro mel natural deste material em particular, que é tratada para evitar desgaste rápido, melhora os elementos do carro: arcos das rodas, lanternas traseiras, faróis e bigodes cromadas. O cesto de piquenique aplicado sobre a porta traseira é feita do mesmo material, enquanto as cúpulas dos espelhos retrovisores são cobertas com mogno. Este material, juntamente com pormenores de céu azul, é uma homenagem aos famosos iates Riva.

A gala de caridade de prestígio, de que esta é a primeira edição, irá combinar arte e gastronomia e contará com várias celebridades, todas em prol da defesa da ética e direitos humanos. A noite vai ser conduzida por Kerry Kennedy, filha de Robert Kennedy, atriz e autora e presidente da fundação “Robert F. Kennedy de Direitos Humanos”. Após seu discurso de abertura serão leiloados dez lotes, com obras de prestígio de arte, incluindo uma série de fotos do fotógrafo americano Harry Benson e uma obra de Michelangelo Pistoletto.

Isto será seguido de um jantar de gala concebido para deixar uma lembrança inesquecível nas mentes e paladares dos mais de 200 convidados internacionais, incluindo o ator Martin Sheen, e muitos italianos, como a atriz e apresentadora de televisão Giorgia Surina. O menu será concebido por um gênio gastronômico, Gualtiero Marchesi, e vai celebrar a sublimidade da cozinha italiana.

No decorrer da noite mais trinta lotes serão leiloados, desta vez através de um sistema de leilão silencioso, utilizando dispositivos digitais para concorrer a itens surpreendentemente individuais. Bem como o leilão silencioso, a música de Ilaria della Bidia e leituras das vidas e obras de notáveis ​​defensores dos direitos humanos. Naturalmente, as actividades realizadas pela Fundação para promover a tolerância, intercâmbio intelectual e liberdade de expressão irão ser divulgadas.